Senado

Ministro não vê conflito entre produção familiar e grande agricultura

Em debate na Comissão de Agricultura e Reforma Agrária (CRA), o ministro do Desenvolvimento Agrário, Guilherme Cassel, disse que governo apoia tanto defensores da reforma agrária e da agricultura familiar, como aqueles que operam na agricultura de escala. 

– Esse governo defende um clima de discussão menos contaminado, onde questões da agricultura não sejam tratadas como de oposição. Essa é, na verdade, a vantagem competitiva do Brasil, e não um problema. Temos que superar o ranço que consiste em tratar o tema de forma conflituosa – declarou Cassel. 

Ele concordou com o professor Plínio de Arruda Sampaio que a terra deve ser tratada como um bem específico, dizendo ainda que o uso de índices de produtividade agropecuária não se restringe à reforma agrária.  

O ministro discordou do representante dos produtores rurais, Luiz Marcos Suplicy Hafers, de que os índices são calculados “por burocratas”. Guilherme Cassel contou que equipes de ministérios e de outros órgãos públicos envolvidos com o tema agrário analisam o assunto antes de definir os critérios e cálculos de produtividade.  

– Os índices atuais são resultado de propostas equilibradas, pois nós sabemos que esse é um tema delicado, sendo necessário encontrar um ponto de equilíbrio. Assim, os índices hoje definidos são confortáveis para quem tem uma preocupação mínima com a produtividade da terra – disse o ministro, acrescentando ainda que cabe ao governo cumprir o que está previsto em lei.  

Mais informações a seguir

Fonte: Senado

Como citar e referenciar este artigo:
NOTÍCIAS,. Ministro não vê conflito entre produção familiar e grande agricultura. Florianópolis: Portal Jurídico Investidura, 2009. Disponível em: https://investidura.com.br/noticias/senado/ministro-nao-ve-conflito-entre-producao-familiar-e-grande-agricultura/ Acesso em: 15 jul. 2024
Sair da versão mobile