Senado

Rádio Senado aborda questão do não reconhecimento paterno no Brasil

[Foto:]

O programa Fique por Dentro da Lei, da Rádio Senado, debate, na segunda-feira (30), a situação dos chamados filhos sem pai. A socióloga Ana Liesi Thurler, autora do livro “Em Nome da Mãe – o não reconhecimento paterno no Brasil”, relata que 25% das crianças nascidas entre 2000 e 2005 não tem o nome do pai na certidão de nascimento.Em entrevista ao programa, ela também afirma que em países como a França, esse índice não passa de 2%. O Fique por Dentro da Lei vai ao ar às 10h.

Ainda no mesmo dia, às 12h, o programa Entrevista Especial debate a relação entre crescimento econômico e educação. Entre os questionamentos abordados estão as soluções para os problemas do setor, a atuação da Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado e a situação do sistema educacional brasileiro em relação à importância do Brasil no mundo.

Ciência e Paz

O Dia da Ciência pela Paz e pelo Desenvolvimento será lembrado pela Rádio Senado em reportagem especial neste fim de semana. Celebrada mundialmente em 10 de novembro, a data registra a importância da ciência na construção de um mundo melhor. No Brasil, a data é comemorada desde 2005, e desde 2006 o Senado apoia a iniciativa.

Este ano seis comissões do Senado promoveram conjuntamente uma audiência pública, no Plenário do Senado, em 12 de novembro. Participaram do debate representantes de diferentes setores, cientistas, autoridades, professores e alunos premiados no concurso sobre o Dia Mundial da Ciência pela Paz. Senadores, estudiosos e cientistas avaliam a importância da data, na reportagem que vai ao ar nesta sexta-feira (27) às 18h.

Luiza Possi

Também no fim de semana, a cantora, e agora compositora, Luiza Possi é a convidada do programa Escala Brasileira. A carioca, filha de Zizi Possi e do produtor e diretor musical Líber Gadelha, lança o álbum Bons Ventos Sempre Chegam, considerado o mais autobiográfico da carreira. A obra é carregada de homenagens e referências à música como arte e conta com repertório assinado por Chico César, Moska, Lula Queiroga e Dudu Falcão.O Escala Brasileira vai ao ar no sábado às 20h.

Os ouvintes de Brasília (DF) podem sintonizar a Rádio Senado na estação 91,7 FM, e os de Natal (RN), na 106,9 FM. Em Cuiabá (MT), pode ser sintonizada, em caráter experimental, em 102,5 FM. Na Internet, é possível acompanhar a programação ao vivo pelo endereço eletrônico www.senado.gov.br/radio. No mesmo site, há ainda o serviço Rádio Agência para que rádios cadastradas possam fazer o download do conteúdo escolhido e reproduzi-lo. A Rádio Senado também é transmitida em Ondas Curtas (OC), com programação diferenciada, pela frequência 5990 KHz, na faixa de 49 metros, para as Regiões Norte e Nordeste e para alguns estados da Região Centro-Oeste.

Fonte: Senado

Como citar e referenciar este artigo:
NOTÍCIAS,. Rádio Senado aborda questão do não reconhecimento paterno no Brasil. Florianópolis: Portal Jurídico Investidura, 2009. Disponível em: https://investidura.com.br/noticias/senado/radio-senado-aborda-questao-do-nao-reconhecimento-paterno-no-brasil/ Acesso em: 26 fev. 2024