Senado

Paulo Paim pede que taxação de calçados chineses seja mantida

Na presidência da sessão desta terça-feira (23), o senador Paulo Paim (PT-RS) pediu a manutenção da alíquota específica de US$ 12,47 pelo par de calçados procedentes da China. O senador informou ter recebido correspondência de lideranças do setor exportador do Rio Grande do Sul contra uma eventual revisão da decisão da Câmara de Comércio Exterior (Camex).

A alíquota, conforme Paim, deve ser mantida para evitar concorrência desleal e perda de milhares de empregos no setor calçadista. A decisão da Camex de sobretaxar o calçado chinês atendeu a um pedido da Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados), no contexto de uma investigação da prática de dumping nas exportações chinesas para o Brasil. No último trimestre de 2008, segundo a Abicalçados, 42 mil trabalhadores perderam o emprego no setor, que hoje luta para se recuperar.

Fonte: Senado

Como citar e referenciar este artigo:
NOTÍCIAS,. Paulo Paim pede que taxação de calçados chineses seja mantida. Florianópolis: Portal Jurídico Investidura, 2010. Disponível em: https://investidura.com.br/noticias/senado/paulo-paim-pede-que-taxacao-de-calcados-chineses-seja-mantida/ Acesso em: 22 jun. 2024