Esta matéria contém recursos multimídia" />
Senado

Paim pede voto de pesar pela morte do sindicalista Tenorinho Esta matéria contém recursos multimídia

[Foto: senador Paulo Paim (PT-RS)]

O senador Paulo Paim (PT-RS) apresentou nesta terça-feira (23) requerimento solicitando voto de pesar pela morte do sindicalista pernambucano Luiz Tenório de Lima, o Tenorinho, aos 93 anos de idade.

Página Multimídia

– Luis Tenório deixou um legado de vida e de luta por um Brasil mais justo e soberano. As novas e as futuras gerações o terão como exemplo a ser seguido – disse o senador, ressaltando que o sindicalista foi um combatente da causa dos trabalhadores, do movimento sindical e dos aposentados e pensionistas.

Paulo Paim recordou a trajetória de Tenorinho, fundador da Nova Central Sindical, do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) e líder do Comitê Central do Partido Comunista Brasileiro (PCB) em 1962. Tendo seus direitos políticos cassados por dez anos pelo regime militar, exilou-se em Praga, onde atuou na Federação Sindical Mundial (FSM). O senador recordou que em 1953, Tenorinho foi um dos líderes da chamada Greve dos 700 mil trabalhadores.

Paim recordou ainda que o sindicalista voltou ao Brasil em 1979, recebido por uma multidão. Em 1984, foi eleito para a Câmara Municipal de São Paulo e manteve estreita ligação com sindicatos e movimentos de bairro.

Fonte: Senado

Como citar e referenciar este artigo:
NOTÍCIAS,. Paim pede voto de pesar pela morte do sindicalista Tenorinho Esta matéria contém recursos multimídia. Florianópolis: Portal Jurídico Investidura, 2010. Disponível em: https://investidura.com.br/noticias/senado/paim-pede-voto-de-pesar-pela-morte-do-sindicalista-tenorinho/ Acesso em: 22 jun. 2024