Senado

Mais uma comissão aprova convite a Dilma e Lobão

[Foto: ]

A ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, e o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, estão entre os convidados para uma audiência pública que discutirá as causas do apagão ocorrido no país no último dia 10. A realização da audiência foi aprovada nesta quarta-feira (18) pela Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática (CCT). Apresentado pelo senador Roberto Cavalcanti (PRB-PB), o requerimento foi aprovado depois de mais de uma hora de debate, após muita polêmica.

A vinda de Dilma e Lobão para tratar do apagão já havia sido aprovada em outras comissões ao longo da semana. Os parlamentares das comissões de Relações Exteriores, Infraestrutura e Assuntos Econômicos também querem ouvir os ministros.

Segundo o requerimento aprovado na CCT, serão ouvidos na audiência, além dos dois ministros, 18 outros convidados, entre os quais o presidente do Tribunal de Contas da União, Ubiratan Aguiar, e o diretor-geral brasileiro de Itaipu Binacional, Jorge Miguel Samek. A audiência, de acordo com o requerimento, será realizada em conjunto com as comissões de Serviços de Infraestrutura (CI) e de Assuntos Econômicos (CAE).

Além dos vinte convidados sugeridos por Cavalcanti, porém, também deverá ser chamada a participar da audiência a presidente da Fundação Cacique Cobra Coral, Adelaide Scritori. A inclusão da nova convidada, que causou grande polêmica entre os senadores, foi solicitada pelo líder do PSDB, Arthur Virgílio (AM).

– Se houve problema meteorológico, como dizem, vamos ouvir a fundação – sugeriu.

Ao colocar o requerimento em debate, a pedido de Cavalcanti, o senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA), que presidia a reunião, defendeu a presença de Dilma na audiência, sob o argumento de que ela atua como uma espécie de “primeira-ministra” no governo. O senador Wellington Salgado (PMDB-MG) questionou então se não seria o caso de se convidar o governador de São Paulo, José Serra, possível opositor de Dilma nas eleições de 2010, para comentar o acidente nas obras de construção do Rodoanel paulista.

O vice-presidente da comissão, Lobão Filho (PMDB-MA), disse que o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, já demonstrou intenção de debater o tema com os parlamentares. E diversos outros senadores criticaram a presença de um grande número de expositores na audiência sugerida por Cavalcanti.

Logo após acolher o pedido de inclusão da presidente da Fundação Cacique Cobra Coral, Flexa colocou o requerimento de realização da audiência em votação e o declarou aprovado, apesar dos protestos de alguns senadores, como Marcelo Crivella (PRB-RJ) e Wellington Salgado.

– Já está cheio de cobra por aqui – disse Wellington. 

Fonte: Senado

Como citar e referenciar este artigo:
NOTÍCIAS,. Mais uma comissão aprova convite a Dilma e Lobão. Florianópolis: Portal Jurídico Investidura, 2009. Disponível em: https://investidura.com.br/noticias/senado/mais-uma-comissao-aprova-convite-a-dilma-e-lobao/ Acesso em: 19 abr. 2024