Senado

História da fotografia francesa é tema de exposição no Senado

[Foto de Brassaï: Lovers in a small cafe near the Place d´Italie, 1932]

O programa Senado Cultural e a Aliança Francesa de Brasília realizam no período de 20 a 29 de novembro, na Biblioteca Acadêmico Luiz Viana Filho, do Senado, a exposição 100 X France, que traça uma retrospectiva da história da fotografia francesa desde suas origens até os dias atuais. A mostra será aberta à visitação pública na próxima sexta (20), mas a inauguração oficial ocorre na terça (24).

Em 1839, o pintor e físico francês Louis Daguerre conseguiu capturar a imagem e reproduzi-la através de uma câmera escura. Por este motivo, a princípio, a fotografia foi chamada dedaguerreótipo. Atualmente fotografar transformou-se em um hobby praticado por milhões de pessoas em todos os países do mundo. A imagem digital, que aposentou os filmes, a revelação e a cópia das fotos, serviu para baratear e, consequentemente, impulsionar o ato de fotografar.

A exposição mostra a evolução da fotografia através das imagens produzidas não apenas por grandes fotógrafos franceses, mas também por anônimos. Ela já foi exibida no Rio de janeiro, Fortaleza, Manaus, Belo Horizonte e Juiz de Fora. Após passar pelo Senado, a mostra seguirá para Belém e São Luís. De acordo com a assistente cultural da Aliança Francesa de Brasília, Alexandra Bucar, a série de fotos que retrata a construção da Torre Eiffel é uma das mais procuradas pelos visitantes.

As reproduções incluídas na mostra foram escolhidas entre cópias conservadas na Biblioteca Nacional da França, no Museu d’Orsay e no Centro Pompidou em Paris. O Ministério da Cultura francês, a Escola Nacional de Belas Artes de Paris, a Fundação Jacques Henri Lartigue, o Estate Brassaï, colecionadores particulares, fotógrafos e artistas ou os seus detentores de direitos autorais também colaboraram para que a exposição pudesse ser realizada.

O objetivo é abordar a história da fotografia francesa de diferentes formas: a evolução de técnicas e processos, os temas que marcam a fotografia “artística”, “humanista” ou “jornalismo”, a permanente relação entre fotografia e outras ciências. Cada uma das imagens é apresentada com um texto que conta a respectiva história da fotografia e do seu autor, da França e dos franceses; como também de Paris.

SERVIÇO

Exposição fotográfica: 100 X France – Fotografias francesas das origens a hoje

Local: Biblioteca Acadêmico Luiz Viana Filho – Senado Federal

Período: 20 a 29 de novembro

Horário de visitação: Das 9 às 18 horas

Fonte: Senado

Como citar e referenciar este artigo:
NOTÍCIAS,. História da fotografia francesa é tema de exposição no Senado. Florianópolis: Portal Jurídico Investidura, 2009. Disponível em: https://investidura.com.br/noticias/senado/historia-da-fotografia-francesa-e-tema-de-exposicao-no-senado/ Acesso em: 13 abr. 2024