Visão Liberal

São Paulo: se as Eleições Fossem Hoje

Meus Amigos,

A presidente Dilma Rousseff esteve ontem em São Paulo discutindo com Lula o cenário das eleições paulistanas. E aproveitou para antecipar a entrada na
campanha, a fim de reverter a desesperadora situação de Fenando Haddad nas pesquisas. O PT colhe o que plantou: a arrogância de Lula em escolher um
candidato desconhecido, rifando nomes consagrados, como Marta Suplicy e também os frutos do mensalão. A classe média de São Paulo acompanha atentamente o
plenário do STF e é inevitável concluir que o julgamento tirou votos e os tirará ainda mais. Se as eleições fossem hoje Fernando Haddad estaria fora do
segundo turno. Não há mais tempo para reverter o quadro. O segundo turno será entre Celso Russomano e José Serra.

Meus comentários em vídeo:

{youtube}LKVl1Uj3_gc{/youtube}

* José Nivaldo Cordeiro, Executivo, nascido no Ceará. Reside atualmente em São Paulo. Declaradamente liberal, é um respeitado crítico das idéias
coletivistas. É um dos mais relevantes articulistas nacionais do momento, escrevendo artigos diários para diversos jornais e sites nacionais. É Diretor da
ANL – Associação Nacional de Livrarias.

Como citar e referenciar este artigo:
CORDEIRO, José Nivaldo. São Paulo: se as Eleições Fossem Hoje. Florianópolis: Portal Jurídico Investidura, 2012. Disponível em: https://investidura.com.br/colunas/visao-liberal/sao-paulo-se-as-eleicoes-fossem-hoje/ Acesso em: 23 abr. 2024