Senado

Azeredo nega irregularidades durante seu governo em Minas

[Foto: Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE)]

Durante reunião na Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE), o senador Eduardo Azeredo (PSDB-MG) negou ter cometido irregularidades no período em que foi governador de Minas Gerais. Tramita no Supremo Tribunal Federal (STF) inquérito sobre o assunto e, na quarta-feira (10), o ministro Joaquim Barbosa apresentou voto pela abertura de ação penal contra Azeredo

– Reitero meu absoluto respeito às decisões do Supremo Tribunal Federal, mas quero dizer que não existe nenhum documento que comprove as denúncias – frisou.

O senador informou que dará entrevista sobre o assunto logo após a reunião da CRE, que analisa duas mensagens do Executivo com indicações de nomes para embaixadas do Brasil em São Cristóvão e Névis e em Trinidad e Tobago. Após a manifestação do presidente da comissão, diversos senadores presentes apresentaram seu apoio à Azeredo.

Mais informações a seguir

Fonte: Senado

Como citar e referenciar este artigo:
NOTÍCIAS,. Azeredo nega irregularidades durante seu governo em Minas. Florianópolis: Portal Jurídico Investidura, 2009. Disponível em: https://investidura.com.br/noticias/senado/azeredo-nega-irregularidades-durante-seu-governo-em-minas/ Acesso em: 22 fev. 2024