Modelo de pedido de separação consensual - de acordo com o Novo CPC | Portal Jurídico Investidura - Direito

Modelo de pedido de separação consensual - de acordo com o Novo CPC

EXMO. SR. DR. JUIZ DE DIREITO DA ..... VARA DE FAMÍLIA DA COMARCA DE ....., ESTADO DO .....

....., brasileiro (a), (estado civil), profissional da área de ....., portador (a) do CIRG n.º ..... e do CPF n.º ....., com endereço eletrônico em  [email protected], residente e domiciliado (a) na Rua ....., n.º ....., Bairro ....., Cidade ....., Estado ..... e ....., brasileiro (a), (estado civil), profissional da área de ....., portador (a) do CIRG n.º ..... e do CPF n.º ....., com endereço eletrônico em  [email protected], residente e domiciliado (a) na Rua ....., n.º ....., Bairro ....., Cidade ....., Estado ....., por intermédio de seu (sua) advogado(a) e bastante procurador(a) (procuração em anexo - doc. 01), com escritório profissional sito à Rua ....., nº ....., Bairro ....., Cidade ....., Estado ....., onde recebe notificações e intimações, vem mui respeitosamente à presença de Vossa Excelência propor:

SEPARAÇÃO CONSENSUAL

pelos motivos de fato e de direito a seguir aduzidos.

 

Clique aqui para ter acesso a um pacote de modelos revisados e atualizados de Direito de Família, com download dos arquivos em formato Microsoft Word (.docx).

 

I. FATOS

Os Requerentes são casados desde ..... de ..... de ..... pelo regime de comunhão universal de bens .

Desta união resultou o nascimento de três filhos: ...... , em ....... de ...... de ......., ....... , em ..... de ........ de ..... e ....... , em ....... de ........ de ........

Em razão de não suportarem mais a vida em comum, resolveram os Requerentes pôr termo à sociedade conjugal, mediante as condições abaixo estipuladas.

A Requerente continuará a usar o nome de casada, qual seja, .............

A título de pensão alimentícia, EXCLUSIVAMENTE PARA A SEPARANDA, o Requerente pagará, mensalmente, o valor relativo a R$ ..... , a ser depositado, na proporção de 33, 33% (trinta e três vírgula trinta e três por cento) nos dias ......, ......, ...... de cada mês , no Banco ......, agência ......., conta corrente n.º ........, além do pagamento do seguro-saúde indicado pela Alimentanda (no qual apenas ela figure como beneficiária) e todas as despesas com medicamentos eventualmente necessários

A partir de ....... de ........ o Requerente poderá deduzir do montante da pensão o valor correspondente a ........, referente às despesas de aperfeiçoamento profissional da Separanda.

O valor da pensão alimentícia foi fixado levando-se em consideração as necessidades atuais da Separanda, notadamente no que se refere à alimentação dos filhos que com ela ainda residem. Para cada filho que deixar de residir com a Separanda, o Requerente poderá deduzir 15% (quinze por cento) do valor destinado à alimentação . Idêntico critério deverá ser adotado em relação ao filho que atualmente reside no exterior, é dizer, se este, de volta ao Brasil, decidir residir com a genitora, deverá ser acrescido 15% (quinze por cento) ao valor destinado à alimentação.

Os bens imóveis adquiridos na constância do casamento foram objeto de doação aos filhos com reserva de usufruto vitalício aos Outorgantes-Separandos, conforme escrituras públicas, a esta acostadas, lavradas às fls. ........, do Livro ........, do ..... Tabelionato de Notas e às fls. ......., do Livro ........, do Cartório Distrital do ......, ambos desta Capital .

A Separanda permanecerá utilizando, sem qualquer ônus, o imóvel residencial matriculado sob n.º ........., do livro ..... de registro geral do Cartório do Registro de Imóveis da .....º Circunscrição desta Capital. Todavia, na hipótese de destiná-lo para uso diverso (cessão, locação ou empréstimo), ao Separando caberá 50% (cinqüenta por cento) do valor estimado de aluguel.

À Requerente caberá a livre administração dos bens imóveis, movimentando os recursos deles provenientes em conta exclusiva, os quais serão partilhados, com o Separando, na proporção de 50% (cinquenta por cento). A meação que couber ao Requerente deverá ser depositada na Conta Corrente n.º ........., agência .........., do Banco .......... A Separanda deverá ainda manter registro detalhado sobre estas operações, facultando ao Requerente livre acesso às anotações contábeis.

Impostos, taxas e seguros 6.3 Caberá ao Requerente o pagamento dos impostos, taxas (inclusive condominiais), seguro e outras despesas incidentes sobre os imóveis, quando tais encargos não forem repassados a eventuais locatários.

Os Separandos são Compromissários-Compradores

Compromisso de Compra e dos imóveis abaixo indicados:

Venda de Bens Imóveis

· EDIFÍCIO ...., conjunto ....., .... andar, Rua ....., s/n, ........... Fração ideal do solo de ...... (conjunto comercial) e de ....... (garagem), dos lotes matriculados sob o n.º ....., do Registro de Imóveis da .....ª Circunscrição de ......... ;

· EDIFÍCIO ....., loja ...., Rua ....., s/n, ..... Fração ideal do solo de ....., dos lotes matriculados sob o n.º ......, do Registro de Imóveis da ....ª Circunscrição de ..... ;

· EDIFÍCIO ...., conjunto ......, ....º andar, Av. ......, s/n, ..... Fração ideal do solo de ....., dos lotes de indicação fiscal n.º ....., inscritos no Cadastro Municipal de .... e arquivado no Registro de Imóveis da .....ª Circunscrição ;

· EDIFÍCIO ...., conjunto ....., .....º andar, Av. ...., s/n, .... Fração ideal do solo de ....., dos lotes de indicação fiscal n.º ....., inscritos no Cadastro Municipal de .... ;

Os imóveis acima indicados, após regular quitação, serão transferidos aos filhos, mediante escritura pública de doação, com reserva de usufruto vitalício aos doadores, cabendo à Separanda administrá-los na forma prevista no parágrafo 10 desta inicial.

Caberá ao Separando o pagamento das prestações vincendas, além das despesas de registro e transferência dos imóveis retro indicados.

Quanto aos saldos Bancários em contas simples e de investimentos existentes em ...... de ...... (separação de fato) com os respectivos rendimentos até a data da audiência de ratificação, serão partilhados na proporção de 50% (cinquenta por cento).

O saldo da conta corrente n.º ......, da agência n.º ......, do ....., que o Separando mantém conjunta e solidariamente com o seu genitor, permanecerá em seu nome para fazer frente aos encargos mencionados no parágrafo 11 e 14, bem como a eventuais despesas pessoais ou familiares de natureza emergencial.

Desse saldo, o Separando destinará à Requerente o valor de R$ ......, a ser pago em três parcelas iguais de R$ ......, mediante depósito bancário na conta corrente indicada no item 5, sendo a primeira no primeiro dia útil após a homologação da Separação e as demais nos mesmos dias dos meses subsequentes.

Os bens móveis, utensílios domésticos e obras de arte que guarnecem a residência do casal serão destinados à Separanda.

Quanto às quotas nas seguintes sociedades comerciais, as quais permanecerão em nome do Separando:

· ..... quotas sociais, de R$ ..... cada, do Instituto ...... (sociedade civil por quotas de responsabilidade limitada), com sede na Rua ....., ....., Bairro ....., nesta Capital ;

· ..... quotas, do Serviço de ..... (sociedade por quotas de responsabilidade limitada), com sede na avenida ......, n.º ......, Bairro ....., nesta Capital ;

· ..... quotas, da Clínica ......, com sede na Rodovia ......, Km ....., n.º ......, ......, neste estado .

O veículo marca ....., modelo ......, cor ....., ano de fabricação ....., modelo ......, chassis n.º ....., placa ....., permanecerá no nome do Separando.

As custas judiciais serão pagas em iguais frações pelos Requerentes.

II. DIREITO

A Lei 6515/77 dispõe:

Art. 4º: Dar-se-á a separação consensual por mútuo consentimento dos cônjuges, se forem casados há mais de dois anos, manifestado perante o juiz e devidamente homologado.

Atendendo-se aos requisitos da Lei, é cabível a homologação da presente.

III. PEDIDOS

ISTO POSTO, requer-se:

a) a intimação do douto representante do Ministério Público para que intervenha no feito, nos termos do inciso II do art. 178 do CPC;

b) a produção de todas as provas em direito admitidas, mormente documental;

c) a designação de data para a audiência de ratificação;

d) seja, ao final, julgada procedente a presente ação, para o fim de decretar a dissolução da sociedade conjugal;

e) a expedição de ofício ao Cartório do Registro Civil da Comarca de ....., Estado de ....., a fim de que seja averbada a separação às fls. ..... e verso, do Livro ..... de Registros de Casamentos.

Dá-se à causa, para efeitos fiscais, o valor de R$ ....., nos termos do art. 292 do CPC.

Nesses Termos,

Pede Deferimento.

[Local], [dia] de [mês] de [ano].

[Assinatura do Advogado]

[Número de Inscrição na OAB]


Como referenciar este conteúdo

MODELO,. Modelo de pedido de separação consensual - de acordo com o Novo CPC. Portal Jurídico Investidura, Florianópolis/SC, 19 Jun. 2015. Disponível em: investidura.com.br/modelos/direito-da-familia/330430-modelo-de-pedido-de-separacao-consensual-de-acordo-com-o-novo-cpc. Acesso em: 24 Set. 2020

 

Receba nossos e-mails e infoprodutos jurídicos

 

 

ENVIE SEU ARTIGO