Senado

Perillo pede suspensão de pagamento e investigação de servidores não recadastrados

O senador Marconi Perillo (PSDB-GO) solicitou à diretora de Recursos Humanos do Senado, Dóris Romariz, a suspensão do pagamento do salário dos 828 servidores que não fizeram o recadastramento, cujo prazo, prorrogado, encerrou-se no último dia 16.

Em requerimento apresentado nesta quarta-feira (21) à Mesa do Senado, o parlamentar também pede a abertura de processo administrativo contra os servidores que não se recadastraram, “com o objetivo de apurar os motivos do não atendimento e possíveis irregularidades quanto ao exercício profissional”.

“Este requerimento tem por fundamento a preocupação quanto a possíveis irregularidades apontadas pela imprensa de que existiriam funcionários ‘fantasmas’ que estejam recebendo seus vencimentos”, justifica o senador.

O parlamentar informa que entre os 828 funcionários há servidores de carreira do Senado e funcionários comissionados. Ele elogia a iniciativa da Secretaria de Recursos Humanos e sugere que seja feita uma “avaliação efetiva” das eventuais irregularidades, por meio de processo administrativo.

Fonte: Senado

Como citar e referenciar este artigo:
NOTÍCIAS,. Perillo pede suspensão de pagamento e investigação de servidores não recadastrados. Florianópolis: Portal Jurídico Investidura, 2009. Disponível em: https://investidura.com.br/noticias/senado/perillo-pede-suspensao-de-pagamento-e-investigacao-de-servidores-nao-recadastrados/ Acesso em: 15 jun. 2024