Senado

Corte de funções comissionadas pode gerar economia de R$ 31 milhões anuais para o Senado

O Projeto de Reestruturação Administrativa proposto pelo Conselho Administrativo do Senado prevê uma economia anual de R$ 31,29 milhões com o corte das funções comissionadas pagas aos servidores da instituição. Encaminhado à Mesa pelo Conselho Administrativo do Senado, o projeto foi elaborado a partir da sugestão de reforma administrativa feita pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), que posteriormente recebeu sugestões de uma comissão de servidores.

Conforme o 1º secretário do Senado, Heráclito Fortes, os parlamentares terão 15 dias para analisar o texto do projeto antes que ele seja colocado em votação no Plenário. Na manhã desta sexta-feira (30), o presidente do Senado, José Sarney, afirmou que as sugestões dos senadores ainda serão ouvidas. O projeto de reestruturação já está disponível no Portal da Transparência do Senado.

Confira nesta tabela o corte de gastos.

Fonte: Senado

Como citar e referenciar este artigo:
NOTÍCIAS,. Corte de funções comissionadas pode gerar economia de R$ 31 milhões anuais para o Senado. Florianópolis: Portal Jurídico Investidura, 2009. Disponível em: https://investidura.com.br/noticias/senado/corte-de-funcoes-comissionadas-pode-gerar-economia-de-r-31-milhoes-anuais-para-o-senado/ Acesso em: 27 fev. 2024
Sair da versão mobile