Outubro Rosa ilumina a Assembleia Legislativa | Portal Jurídico Investidura - Direito

Outubro Rosa ilumina a Assembleia Legislativa

O Palácio Barriga Verde foi iluminado de rosa nesta segunda-feira (1º) e permanecerá assim por todo o mês de outubro. A campanha mundial de mobilização e conscientização pela detecção precoce do câncer de mama foi aderida pelo Poder Legislativo catarinense, com apoio da Bancada Feminina e da comissão de Direitos e Garantias Fundamentais em parceria com a Associação Brasileira de Portadores de Câncer (AMUCC).

Além da iluminação, o mês de alerta, orientação e informações sobre a importância da prevenção e cuidados contra o câncer de mama, foi aberto na Assembleia Legislativa com a formação de um laço humano feito por mulheres que já tiveram a doença e por membros da AMUCC e do Grupo de Apoio às Mulheres Mastectomizadas (GAMA). Amanhã as três pontes que ligam a ilha ao continente serão acesas com lâmpadas rosa.

Leoni Margarida Simm, presidente da Amucc no Brasil, garante que o movimento está tomando proporções de destaque e que tem como objetivo lembrar às mulheres que saúde é um direito, mas também um dever. ?Quanto mais cedo for detectada a doença, mais rápido pode ser curada. Muitas mulheres morrem em idade produtiva, deixando lares sem mãe. Este é um grande problema social que todos, principalmente os governantes, devem estar alertas?.

A deputada Dirce Hiderschiedt (PMDB), representante da Bancada Feminina, ressaltou a importância deste movimento e os avanços alcançados através desta iniciativa mundial. ?A questão serve de alerta para avançarmos ainda mais. Nós mulheres, devemos estar atentas, diariamente?.

Mundialmente, o câncer de mama é a neoplasia mais frequente entre as mulheres, totalizando mais de 1,2 milhão de novos casos por ano. Mais de 50 mil mulheres são detectadas por ano, no Brasil. Destas, acima de 12 mil morrem. Em Florianópolis, aproximadamente 180 casos são registrados por ano. Segundo Leoni, a incidência de casos está crescendo e por isso deve ser controlada com a maior eficácia possível.

Além da Assembleia, o Tribunal Regional do Trabalho (TRT/SC), Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/Florianópolis) e Teatro Álvaro de Carvalho também serão iluminados de rosa para que todos lembrem a importância da prevenção e do tratamento precoce.

Recomendações e grupos de apoio

A recomendação é de que todas as mulheres façam os exames preventivos clínicos, pelo menos uma vez por ano, que devem ser complementados pela mamografia, conforme a idade, mesmo que não sintam nada. Algumas mulheres devem fazer o exame a partir dos 40 anos, quando têm mãe ou irmã que já apresentou a doença. Quando diagnosticada no inicio, a chance de cura é de 90%.

Lilian Martinho, coordenadora do Grupo de Apoio às Mulheres Mastectomizadas (GAMA), esclarece que o câncer é uma doença sistêmica, que envolve toda a família. Desta forma, tanto pacientes quanto família precisam de apoio. ?O GAMA é um grupo de socialização que oferece ajuda terapêutica. Temos uma sala no CEPON de Florianópolis e lá realizamos cursos, palestras, atividades recreativas e oferecemos apoio às mulheres mastectomizadas (que tiveram a retirada do seio)?.

Após a retirada dos seios, o grupo busca a reconstituição dos seios das mulheres já tratadas. Segundo Lilian, apesar de ainda causar susto e ser uma doença invasiva, o câncer tem cura e com a campanha Outubro Rosa os vários casos bem sucedidos são evidenciados também, como uma forma de levar esperança.

Quem quiser ajudar a financiar a campanha, pode fazê-lo através da compra de camisetas, bótons, adesivos, laços e chaveiros rosas que serão disponibilizados nos supermercados Hippo e em outros locais que podem ser encontrados no site: www.amucc.com.br

O que é o Outubro Rosa
O movimento popular internacionalmente conhecido como Outubro Rosa é comemorado em todo o mundo. O nome remete à cor do laço rosa que simboliza a luta contra o câncer de mama e estimula a participação da população, empresas e entidades. Marcado pela iluminação de prédios e monumentos, como a Torre de Pisa e o Coliseu, na Itália; o Arco do Triunfo, na França; a Casa Branca nos Estados Unidos, entre outros monumentos pelo mundo, o movimento iniciou no Brasil em 2006. Em 2008, a Federação Brasileira de Instituições Filantrópicas de Apoio à Saúde da Mulher (FEMAMA) iluminou oito monumentos no país, alertando às mulheres brasileiras de que somente através de exames preventivos, como a mamografia, é possível detectar pequenos nódulos. (Michelle Dias)


Fonte: AL/SC
Seção: Notícias
Categoria: MP/SC

Como referenciar este conteúdo

NOTíCIAS,. Outubro Rosa ilumina a Assembleia Legislativa. Portal Jurídico Investidura, Florianópolis/SC, 03 Out. 2012. Disponível em: investidura.com.br/noticias/343-mpsc/273720-outubro-rosa-ilumina-a-assembleia-legislativa. Acesso em: 02 Mar. 2021

 

Receba nossos e-mails e infoprodutos jurídicos

 

 

ENVIE SEU ARTIGO